loading image

PROGNÓSTICO

É jeito de dizer para os governantes a cidade que nós queremos viver. É o jeito coletivo de marcar o “x” da questão na medida que nós temos que fazer escolhas entre várias alternativas, também chamadas de cenários futuros, para cada um dos quatro elementos do saneamento básico; Água tratada; Esgoto sanitário; Drenagem de água da chuva e Manejo e destino final do lixo.

Cenário Futuro - Água
OBJETIVOS METAS PRIORIDADES
1.1 - A CAERD vai operar o sistema, desde que seja cumprido o que estabelece no art. 11 da Lei 11.445/07 Imediato 1
2.1 - Filiação à AGERO, segundo os artigos 21, 22, 23 da Lei 11.445/07. Curto Prazo 2
3.1 - Elaborar projeto para ampliar a rede de distribuição de água; Curto Prazo 2
3.2 - Universalização do sistema na zona urbana. Longo Prazo 4
4.1 - Mudar o tratamento químico da ETA; Curto Prazo 2
4.2 - Instalação de pré-filtro e grade no sistema; Imediato 1
4.3 - Recuperação da capacidade de investimento da CAERD. Longo Prazo 4
5.1 - Elaborar programa de recuperação e proteção da mata ciliar e do manancial de captação pelo SAA com apoio da prefeitura e outros órgãos; Curto Prazo 2
5.2 - Elaborar um programa de controle de conservação de solo. Curto Prazo 2
6.1 - Campanhas para aumentar o número de ligação de usuários na rede. Curto Prazo 2
7.1 - Ampliar o Sistema de Tratamento de Água. Curto Prazo 2
7.2 - Educação ambiental para os usuários moderarem o consumo Médio Prazo 3
8.1 - Atingir 100 % Hidrometração. Curto Prazo 2
9.1 - Melhorar o índice de perdas. Médio Prazo 3
10.1 - Manter o bom índice de faturamento e sistema sustentável. Longo Prazo 4
11.1 - Implantar medidas para tratamento e destinação adequada dos efluentes da ETA; Curto Prazo 2
11.2 - Implantar medidas para o adequado tratamento do lodo. Curto Prazo 2
12.1 - Manter a boa reservação. Longo Prazo 4
13.1 - Manter o bom controle operacional. Longo Prazo 4
14.1 - Manter a boa política salarial dos funcionários. . Longo Prazo 4
Cenário Futuro - Esgoto Sanitário
OBJETIVOS METAS PRIORIDADES
1.1 - Elaboração de projeto tendente a universalizar serviço de esgotamento sanitário no município Curto Prazo 2
1.2 - Colocar em operação a ETE, o comissionamento e os testes de eficácia. Imediato 1
2.1 - Concluir as obras de esgotamento sanitário no município. Imediato 1
3.1 - A CAERD vai operar o sistema desde que atenda os requisitos do art. 11 da Lei 11.445/07. Imediato 1
4.1 - Elaborar projeto para educação sanitária e ambiental. Imediato 1
4.2 - Implantação de projeto de educação ambiental. Curto Prazo 2
5.1 - Elaboração de projeto para implantar SAI na área rural; Curto Prazo 2
5.2 - Implantação de projeto de SAI (fossa séptica econômica) em 70% dos domicílios na zona rural. Longo Prazo 4
6.1 - Replicar a experiência dos módulos sanitários individuais. Médio Prazo 3
7.1 - Universalização do serviço para zona urbana; Médio Prazo 3
7.2 - Atendimento em 70% do serviço para zona rural. Longo Prazo 4
8.1 - Início da operação do sistema; Imediato 1
8.2 - Manutenção e regularidade do fornecimento ao longo do plano de saneamento. Longo Prazo 4
9.1 - Filiação à AGEERO (Agência Reguladora Estadual) e definição dos procedimentos de regulação. Imediato 1
Cenário Futuro - Drenagem de Águas Pluviais
OBJETIVOS METAS PRIORIDADES
1.1 - Elaborar Plano Diretor de Drenagem no município; Curto Prazo 2
1.2 - Elaborar projeto para ampliação da macro e microdrenagem na zona urbana e rural; Curto Prazo 2
1.3 - Implementar as obras de macro e microdrenagem na zona urbana e rural. Longo Prazo 2
2.1 - Implantar programa de manutenção nos disposistivos de drenagem Curto Prazo 2
3.1 - Realizar obras protetivas e de contenção no emissário de microdrenagem Curto Prazo 2
4.1 - Intensificar ações de fiscalização para coibir tal prática. Imediato 1
4.1 - Intensificar ações de fiscalização para coibir tal prática. Imediato 1
5.1 - Cadastramento das famílias em situação de risco e educação ambiental Curto Prazo 2
5.2 - Identificar famílias que precisam de realocação Imediato 1
5.3 - Elaborar projeto de realocação de famílias e urbanização das áreas de APP. Curto Prazo 2
5.4 - Implantar projeto de realocação de famílias e urbanização da APP. Longo Prazo 4
6.1 - Criar o Comitê de Bacias Hidrográficas; Curto Prazo 2
6.2 - Funcionamento do Comitê; Médio Prazo 3
6.3 - Elaborar o Plano Municipal de Conservação dos Solos e de Águas por microbacia no município; Curto Prazo 2
6.4 - Implementação do Plano Municipal de Conservação dos Solos e de Águas por microbacia no município. Longo Prazo 4
7.1 - Criação do Plano Diretor de Drenagem e sua implementação vai integrar todas as soluções pontuais. Curto Prazo 2
8.1 - Comissionamento e funcionamento para testes de eficácia. Imediato 1
8.2 - Obras complementares eventuais para plena eficácia e manuntenção da regualridade do fornecimento do serviço. Longo Prazo 4
9.1 - Filiação à AGERO (Agência Reguladora Estadual) e definição dos procedimentos de regulação. Imediato 1
Cenário Futuro - Resíduos Sólidos
OBJETIVOS METAS PRIORIDADES
1.1 - Elaborar projeto para construção do aterro sanitário em vala; Curto Prazo 2
1.2 - Implantar projeto de construção do aterro em vala; Médio Prazo 3
1.3 - Universalizar a coleta convencional. Médio Prazo 3
2.1 - Elaborar PMGIRS; Imediato 1
2.2 - Implantar o PMGIRS. Curto Prazo 2
3.1 - Implantar galpão de triagem equipado; Curto Prazo 2
3.2 - Implantar pátio de compostagem Curto Prazo 2
3.3 - Implantar unidade para armazenamento do lixo triado Curto Prazo 2
4.1 - Elaborar projeto de ATS em Cerejeiras com o consórcio CINCERO; Imediato 1
4.2 - Projeto de ATS em Cerejeiras operando juntamente com o consórcio CINCERO; Curto Prazo 2
4.3 - Treinar e capacitar gestores para melhor interagir com o consórcio. Curto Prazo 2
5.1 - Implantar lei que autoriza cobrança pelo serviço; Imediato 1
5.2 - Implantar cobrança pelo serviço utilizando princípio da tarifa justa. Imediato 1
6.1 - Criar associação de catadores; Imediato 1
6.2 - Construção de unidade para apoio a Associação de Catadores (vestiário, refeitório, banheiro, escritório). Curto Prazo 2
7.1 - Criar infraestrutura para gestão do lixo (aquisição de caminhões, implantação de lixeiras, containers). Curto Prazo 2
8.1 - Elaborar PMGIRSS; Imediato 1
8.2 - Implantar PMGIRSS. Curto Prazo 2
9.1 - Elaborar projeto de Aterro Sanitário Simplificado no município; Imediato 1
9.2 - Implantar projeto de Aterro Sanitário Simplificado no município. Curto Prazo 2
10.1 - Estender a coleta do lixo para zona rural; Longo Prazo 4
10.2 - Instalar PEV's na zona rural; Médio Prazo 3
10.3 - Implantar educação sanitária massificada na zona rural para coleta de lixo. Médio Prazo 3
11.1 - Elaborar projeto para implementação da coleta seletiva no município; Curto Prazo 2
11.2 -Implementar coleta seletiva na zona urbana do município; Médio Prazo 3
11.3 - Elaborar projeto para implementação da coleta seletiva na zona rural; Curto Prazo 2
11.4 - Implementar coleta seletiva na zona rural do município. Longo Prazo 4
12.2 - Implantação de PEV's no município. Médio Prazo 3
13.1 - Criação dos pátios de compostagem; Curto Prazo 2
13.2 - Implantar compostagem plena no município. Médio Prazo 3
14.1 - Filiação à AGEERO (Agência Reguladora Estadual) e definição dos procedimentos de regulação. Imediato 1